Portal de Notícias Correio do Mate
NotíciasPolítica

AGM e entidades do Vale do Taquari pedem prioridade de vacinação para professores

142Visualizações
Portal de Notícias Correio do Mate

Em reunião realizada na manhã desta quinta-feira (25), em Porto Alegre, o Presidente da Associação Gaúcha de Municípios (AGM) e presidente do Consisa, Marcos Scorsatto e o Diretor Executivo da AGM, José Scorsatto, conversaram com o secretário-chefe da Casa Civil – Artur Lemos Júnior, solicitando que o Estado torne prioritária a vacinação dos professores do RS, tanto da rede pública como da rede privada e colocando o Vale do Taquari como parceiro no processo.

A antecipação da vacina é capaz de viabilizar o retorno das atividades escolares, suspensas em razão da pandemia.

A reunião também contou com a presença do presidente da Amvat, Paulo Kohlrausch; do prefeito de Estrela, Elmar Schneider e do chefe de gabinete da Casa Civil, Jonatan Brönstrup.

Os representantes solicitaram também maior agilidade no processo de aquisição e distribuição das vacinas, uma vez que o RS segue o cronograma do Programa Nacional de Imunizações (PNI) do Ministério da Saúde e depende da chegada de novas doses.

Conforme dados da Secretaria de Saúde, o RS já recebeu 923.600 doses de imunizantes. Neste primeiro momento, são prioridade de vacinação os trabalhadores da linha de frente contra a Covid, ou seja, que trabalham em hospitais que atendem pacientes confirmados com coronavírus (de unidades de internação clínica e UTI), rede de urgência e emergência e da atenção básica; idosos que residem em instituições de longa permanência e funcionários destes locais e indígenas aldeados. Os professores não estão entre os grupos que recebem a vacina na fase inicial.

Entendendo a preocupação das autoridades e a importância do retorno das aulas, Artur Lemos recebeu atentamente as solicitações e adiantou que o Estado irá formalizar um pedido junto ao Ministério da Saúde para alteração do cronograma.

Texto:  Ascom AGM

Fotos: Divulgação

Portal de Notícias Correio do Mate
Gemerson Rogerio Santos

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.