Portal de Notícias Correio do Mate
EconomiaNotíciasPolítica

Arvorezinha: Prefeitura não descarta avaliar prorrogação de pagamento do IPTU

Em Arvorezinha o departamento responsável apontou uma atualização de 7,3% no valor, seguindo a correção da inflação

89Visualizações
Portal de Notícias Correio do Mate

A Administração Municipal publicou nota em seus canais digitais explicando o envio dos carnês de IPTU para os proprietários de imóveis em Arvorezinha. Nas próprias redes sociais houveram reclamações porque em meio a pandemia do coronavírus, receberam os carnês para pagamento, enquanto em outros municípios as administrações promoveram prorrogação das datas para auxiliar a comunidade. Em Arvorezinha o departamento responsável apontou uma atualização de 7,3% no valor, seguindo a correção da inflação.

Conforme nota publicada, antes da pandemia do Coronavírus ter efeitos e registros na região, o Município de Arvorezinha já havia confeccionado os carnês de IPTU, os quais foram postados nos Correios antes da publicação dos decretos municipais com suspensão de atividades. O Poder Executivo salienta que anualmente os carnês do IPTU são enviados aos contribuintes no início do mês de março, e neste ano, da mesma forma dos anos anteriores, foram enviados antes da publicação dos decretos do Governo do Estado e do Poder Executivo Municipal. Apontou que é importante destacar que o vencimento do pagamento o IPTU está programada para os meses de MAIO e AGOSTO, bem como que a Administração Municipal está atenta e preocupada com reflexos que a pandemia poderá ter na economia local, e se necessário, avaliará a possibilidade de prorrogação. O Poder Executivo Municipal está seguindo as orientações e decretos do Governo do Estado, emitidos pelo Governador Eduardo Leite, apontaram.

Portal de Notícias Correio do Mate
Gemerson Rogerio Santos

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.