Portal de Notícias Correio do Mate
GeralNotícias

BRDE tem lucro histórico e anuncia medidas de apoio a empreendedores durante a pandemia

Ao apresentar os números para o governador Leite, Noronha disse que o resultado foi puxado pelo bom desempenho operacional

108Visualizações
Portal de Notícias Correio do Mate

O balanço dos resultados de 2019 do Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE) foi apresentado nesta segunda-feira (30/3) ao governador Eduardo Leite pelo vice-presidente da instituição, Luiz Corrêa Noronha, no Palácio Piratini. O BRDE encerrou o ano passado com o lucro líquido de R$ 278 milhões, o maior da história do banco. O valor representa crescimento de 55,7% em relação a 2018.

De acordo com Noronha, os resultados foram puxados pelo bom desempenho operacional do banco e por redução de despesas administrativas. As operações em 2019 totalizaram R$ 2, 47 bilhões e, com a contrapartida dos investidores, o investimento na região sul chegou a R$ 2, 9 bilhões.

Em razão da pandemia do coronavírus que já afeta o pais e provoca um cenário de restrição da atividade econômica, o BRDE também anunciou ações emergenciais de apoio aos empresários e empreendedores da região Sul. Por meio do programa Recupera Sul, o banco vai injetar R$ 1,3 bilhão na economia do Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Paraná em recursos emergenciais nos próximos seis meses.

Para o Rio Grande do Sul, estão disponíveis para micro e pequenas empresas R$ 500 milhões para capital de giro na tentativa de reduzir os danos gerados pela crise da Covid-19. No segundo semestre de 2020 serão liberados mais R$ 500 milhões para o enfrentamento do momento pós-crise.

O governador Eduardo Leite destacou o papel do banco como apoiador do desenvolvimento econômico do Estado. “São ações importantes para dar amparo e suporte econômico para quem empreende e ajuda o nosso Estado a se desenvolver e que, junto conosco, vai enfrentar estas dificuldades. Queremos que estes empreendedores sigam fortes para gerarem empregos e desenvolvimento no Rio Grande do Sul”, afirmou Leite.

O valor máximo por operação varia de R$ 50 mil (microcrédito), R$ 200 mil (micro e pequenas empresas) até R$ 1,5 milhão para as demais empresas, com prazo de pagamento de 60 meses.

“Procuramos assegurar crédito para as mais diferentes áreas, de forma a beneficiar o maior número possível de investidores”, disse Noronha.

O BRDE também vai disponibilizar um período de seis meses de carência no pagamento a partir de abril, incluindo as parcelas de março, para os empreendedores que contraíram empréstimo no banco.

Fonte: https://estado.rs.gov.br

Portal de Notícias Correio do Mate
Sandra Meotti

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.