AgronegóciosDestaqueNotícias

Cotrijal: assembleia aprova incorporação da Coagrisol

0
Tempo de leitura: 1 minuto

De forma unânime, os associados presentes autorizaram a incorporação e a criação de uma comissão mista, formada por três associados de cada cooperativa, que procederá estudos para dar andamento às demais etapas da união.

Conforme o presidente da Cotrijal, Nei César Manica, a decisão segue uma tendência de mercado e apresenta novas oportunidades para os associados das cooperativas. “A intercooperação iniciada há alguns meses foi mostrando muitos caminhos positivos e entendemos que a incorporação seria o melhor para as cooperativas e os associados. Agora teremos uma grande responsabilidade e muito trabalho para atender a todas as expectativas e demandas que virão”, comentou o presidente.

Os associados da Coagrisol participaram de uma rodada de reuniões para debater o tema e também aprovaram a incorporação, em Assembleia Geral Extraordinária, realizada na manhã desta quinta-feira, 23/12.

O vice-presidente da Cotrijal, Enio Schroeder, reforça que uma série de estudos foram realizados para avaliar a viabilidade da incorporação, buscando identificar o melhor caminho para os associados e as duas cooperativas. “O trabalho da assembleia foi muito esclarecedor e assim aprovado por unanimidade pelos nossos associados. É um passo importante que estamos dando e a história irá nos confirmar que tomamos a melhor decisão, sempre com o foco no nosso associado e nos demais produtores que se juntam a essa grande família”.

NOVA ASSEMBLEIAPassada esta etapa de validação dos associados, uma nova assembleia, conjunta entre as cooperativas, será agendada para fevereiro de 2022, com o objetivo de selar a incorporação.

Fonte: Assessoria de Imprensa e Marketing da Cotrijal

Gemerson Rogerio Santos

Abertas as inscrições ao Prêmio Afubra/Nimeq

Artigo anterior

Felino aparece morto na VRS-824 em Ibirubá

Próximo artigo

Você também pode gostar

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.