Portal de Notícias Correio do Mate
GeralNotícias

Emater/RS-Ascar atualiza estimativa de perdas pela estiagem da safra de soja e milho

Em caráter excepcional, por solicitação da Secretaria de Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural (Seapdr), a Emater/RS-Ascar divulgou, nesta quarta-feira (11/3), uma atualização da estimativa de perdas na produtividade, em relação aos dados inicialmente divulgados em agosto do ano passado, das culturas de soja (-32,3%) e milho (-26,3%) da safra 2019/2020

229Visualizações
Portal de Notícias Correio do Mate

Em caráter excepcional, por solicitação da Secretaria de Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural (Seapdr), a Emater/RS-Ascar divulgou, nesta quarta-feira (11/3), uma atualização da estimativa de perdas na produtividade, em relação aos dados inicialmente divulgados em agosto do ano passado, das culturas de soja (-32,3%) e milho (-26,3%) da safra 2019/2020.

Esses dados são referentes ao retrato da situação até a última segunda-feira (9/3), e não a uma projeção para o resultado após a safra. “A estiagem persiste, e esses números podem aumentar”, afirma o diretor técnico Alencar Ruger. Ele destaca ainda que o levantamento apresenta perdas de até 75% em alguns municípios, mas o dado refere-se a uma média estadual.

O presidente da instituição, Geraldo Sandri, ressalta que o monitoramento das lavouras é acompanhado periodicamente e não há previsão de uma nova divulgação de dados antes da conclusão da colheita.

O diretor de Política Agrícola da Seapdr, Ivan Bonetti explica.

SOJA
Estimativa produtividade média (kg/ha)
• Inicial: 3.315
• Atual: 2.245
• Variação: -32,3%

Estimativa produção (ton)
• Inicial: 19,7 milhões
• Atual: 13,3 milhões
• Variação: -32,2%

MILHO
Estimativa produtividade média (kg/ha)
• Inicial: 7.710
• Atual: 5.679
• Variação: -26,3%

Estimativa produção (ton)
• Inicial: 5,9 milhões
• Atual: 4,4 milhões
• Variação: -25,2%

Nos municípios da Região Noroeste assolados mais fortemente pela estiagem, os sojicultores alcançam produtividade entre 15 e 20 sacas por hectare. Nas localidades que registraram maior ocorrência de chuvas, os rendimentos oscilam de 45 a 50 sacas por hectare.

Conforme os técnicos da instituição, as lavouras apresentam coloração amarela devido à maturação e essa fase exige grande quantidade de água para o enchimento de grãos. Por causa das precipitações desuniformes, tanto em volume como em relação às áreas atingidas, a colheita registra grande variabilidade nos potenciais produtivos. Essa oscilação nos rendimentos pode ser decorrente do manejo efetuado e das tecnologias utilizadas.

De acordo com o levantamento da Emater-Ascar, as lavouras com soja no Rio Grande do Sul se encontram nas seguintes etapas: 60% em enchimento de grãos, 11% em floração e 2% em desenvolvimento vegetativo. Do total de 5,9 milhões de hectares cultivados na safra 2019/2020, cerca de 5% já foram ceifados.

Até o dia 03 de março, a Emater-Ascar tinha recebido 221 solicitações para a realização de perícias do ProAgro para a cultura da soja.

Fonte: Rádio Planetário

Portal de Notícias Correio do Mate
Sandra Meotti

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.