Portal de Notícias Correio do Mate
AgronegóciosEconomiaNotícias

Estiagem pode gerar decretação de situação de emergência em Serafina Corrêa

Os prejuízos na plantação de milho e soja e na silagem, devido à severa estiagem desde o final do ano de 2019, já são evidentes

134Visualizações
Portal de Notícias Correio do Mate

Os prejuízos na plantação de milho e soja e na silagem, devido à severa estiagem desde o final do ano de 2019, já são evidentes, contabilizando grandes prejuízos econômicos para o município. Essa foi a conclusão da reunião do dia 15 de janeiro, realizada no gabinete do Prefeito em Exercício, Valdir Bianchet.

Nesta terceira reunião para tratar dos prejuízos da estiagem participaram o Coordenador da Defesa Civil Municipal, Secretário José Felicino Meneguzzi, a Secretária de Assuntos Especiais de Governo Salete Cadore, o Presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rurais Lirio Oldoni, o representante da COOPERLATE Roberto Tebaldi e os Engenheiros Agrônomos da EMATER Leandro Ebert e Eliazer Kosciuk.

Os técnicos estão contabilizando os prejuízos na agricultura, informando que ainda não é possível estimar os prejuízos da produção de leite, mas esclarecem que eles virão, pois toda a cadeia produtiva será atingida. Em breve, os valores serão divulgados.

Além das perdas nas lavouras, o Sr. Valdir Bianchet, Prefeito em exercício, prevê reflexos no comércio em geral já que haverá menos dinheiro circulando. Por isso é preciso aprofundar a análise da situação dos produtores que terão dificuldades em cumprir seus compromissos financeiros e tomar providências. Para Bianchet, o decreto de situação de emergência é a forma mais rápida encontrada para auxiliar os produtores.

Portal de Notícias Correio do Mate
Gemerson Rogerio Santos

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.