Portal de Notícias Correio do Mate
GeralNotícias

Farsul reforça posição em defesa do livre mercado

Federação emitiu nota em defesa da exportação do gado em pé

113Visualizações
Portal de Notícias Correio do Mate

A Farsul emitiu nota oficial onde reforça sua posição em defesa da livre iniciativa e, principalmente, do produtor rural. O texto foi apresentado após manifestação do Sicadergs que busca coibir as exportações de gado em pé. No documento, a Federação lembra que por anos os pecuaristas amarguraram prejuízos sem ter responsabilizado a indústria por isso. Também destaca que em várias épocas a entrada de carnes no Rio Grande do Sul é maior do que a saída, sendo que nos últimos anos, a oferte de animais guiados para o abate no estado gira em torno de dois milhões de cabeças, mesmo com o aumento das exportações de animais vivos.
A nota também ressalta a cobrança de 2% taxa de frio, aplicada somente pelas empresas frigoríficas do Rio Grande do Sul em todo território nacional. Conforme o texto “A Farsul representando o elo produtor desta vital cadeia é parceira para realizar um debate na busca de soluções conjuntas com todos os interessados na pecuária de corte e seus subprodutos. Procurando, de alguma maneira, melhorar esse setor importante para o Rio Grande do Sul, visando desburocratizar e reduzir impostos.Todavia, jamais aceitaremos que o governo possa intervir na liberdade de mercado e, como consequência, trazer prejuízos ao produtor que, assim como a indústria também sofre com os efeitos severos da grave seca que assola o Estado”.

Fonte: Farsul  RS

Portal de Notícias Correio do Mate
Sandra Meotti

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.