Notícias

FONTOURA XAVIER | Especial 56 anos de: Escola Estadual de Ensino Médio Getúlio Vargas

0
Tempo de leitura: 2 minutos

Dentre diversos pontos positivos que podem ser destacados referente ao desenvolvimento do município de Fontoura Xavier, com toda a certeza a evolução da Educação no município é um dos  principais.

Fontoura Xavier além de possuir diversas escolas municipais, possui também duas escolas Estaduais, uma delas é a Escola Estadual de Ensino Médio Getúlio Vargas, onde além de formar-se no Ensino Médio o aluno também pode formar-se Técnico Agrícola.

O município de Fontoura Xavier localiza-se, no alto da Serra do Botucaraí, margeada pelo rio Fão a oeste e rio Forqueta a leste, com altitude de 740 metros e distante de Porto Alegre cerca de 200 km, contando com uma população de aproximadamente 10.916 habitantes, sendo 63% que vivem na zona rural. O índice de desenvolvimento humano municipal é de 0,661 (IDHM 2010). A expectativa de vida (2010) 73,69 anos. A vocação do município e região é Agropecuária (70%), sendo a cultura, bastante diversificada devido à topografia acidentada, concentrando-se na fumicultura. O atual PIBI é de 131.531.000,00 com uma média de 2,2 salários mínimos mensais.

A Escola Estadual de Ensino Médio Getúlio Vargas situa-se na Comunidade de Três Pinheiros, 5º Distrito de Fontoura Xavier, Rio Grande do Sul, localiza-se a 20 km da sede do município, ligada por estrada não pavimentada, sendo considerada de difícil acesso. A história da instituição iniciou-se em 1955, com o nome de Escola Rural Isolada de Três Pinheiros, tendo como primeira professora Gonsalina Marques.

Nesta época, os alunos eram atendidos na Igreja da comunidade.  Anos mais tarde, em atendimento a vontade da comunidade escolar, a Escola passou a denominar-se Escola Estadual de 1º Grau Incompleto Getúlio Vargas.

Em 1958 foi construído o prédio da escola, com verbas estaduais, sendo a área doada por moradores locais, com o sonho de se construir uma “Escola Agrícola”, garantindo, assim, a formação de seus filhos e sua permanência na comunidade. A partir de então, a localidade passou a lutar para garantir a concretização desse sonho.

Em 1994, passou a denominar-se Escola Estadual de 1º Grau Getúlio Vargas e começou a atender turmas até a 8ª série. Em 2001, após intensa luta, conquistou o Ensino Médio Alternativo, cuja primeira turma iniciou em março de 2002, e, um ano após, foi implantado na escola a educação profissionalizante, com o Curso Técnico em Agroecologia que mais tarde foi reorganizada para Curso Pós Médio em Agricultura.

Após mudanças governamentais, que desativaram o Ensino Médio Alternativo, foi iniciada a oferta de ensino Fundamental e Ensino Médio. No ano de 2011, após novas reformulações, a escola passou a oferecer também o Ensino Médio Integrado ao Curso Técnico em Agricultura e o Ensino Médio Politécnico.

Em 2016 a escola passou a oferecer o Ensino Fundamental em Escola em Tempo Integral, iniciando com os Anos Inicias e sua implantação nos Anos Finais em 2017.

Atualmente, a Escola Estadual de Ensino Médio Getúlio Vargas oferece Educação Infantil, em regime de colaboração com a rede municipal de ensino; Ensino Fundamental organizado em Escola de Tempo Integral e Curso Técnico em Agricultura Integrado ao Ensino Médio.

A escola possui uma área de terra de 3,6 hectares destinados para as práticas básicas de olericultura, fruticultura, culturas, plasticultura e criações, entre outras. Esta área está dividida em área de cultivo, área de preservação permanente (APP), área de criações (suínos e aves) e as edificações da escola. São quatro prédios sendo eles um administrativo onde está localizada a biblioteca da escola, a sala de orientação,  sala de materiais, sala dos professores, sala do financeiro e secretaria, além de dois banheiros e sala da direção. Os demais prédios comportam nove salas de aula, quatro banheiros, sala de vídeo, sala de informática, sala de jogos, laboratório de ciências,  laboratório de agroindústria, cozinha, refeitório e uma quadra de esportes.

Recebe alunos de diversas localidades do interior do município de Fontoura Xavier: Barra do Galvão, Coxilha São José, Linha Ziffa, Picada Rosa, Gramado São Pedro, São Miguel e Nossa Senhora de Fátima e da zona urbana da cidade. Além disso, recebe alunos de municípios vizinhos que vem em busca de profissionalização: Barros Cassal, Soledade, Progresso, Lagoão e São José do Herval, que em conjunto com as citadas compõem o quadro de estudantes.

A escola funciona no turno da manhã e da tarde quando ocorrem aulas regulares e atividades práticas que compõem as disciplinas do curso técnico como Agroindústria, Agricultura e Criações, no Ensino Fundamental há a inserção de Técnicas Agrícolas como forma de despertar o interesse dos educandos para a área agrícola, visando a permanência dos mesmos na escola e no curso técnico.

Em Três Pinheiros, onde a escola está situada, há um salão comunitário e uma capela da Igreja Católica, em local próximo, existe também um templo da Igreja Assembleia de Deus.

Há ainda dois estabelecimentos comerciais onde ocorre troca, compra e venda de mercadorias, o que constitui uma importante atividade econômica para os moradores, uma vez que muitos desses negociam seus produtos na própria localidade realizando pagamentos anuais em época de safra.

Objetivos da Escola Estadual de Ensino Médio Getúlio Vargas:

Dentre os objetivos da Escola Estadual de Ensino Médio Getúlio Vargas está o desenvolvimento de projetos interdisciplinares que venham atender as necessidades de aprendizagem dos alunos através de atividades diversificadas como leituras, pesquisas a campo, estudos que levem o aluno a aprender a buscar o desenvolvimento de seus interesses pessoais e coletivos, face à formação de valores e atitudes.

A oferta de escola em tempo integral busca alcançar resultados pedagógicos que propiciem a melhoria da qualidade de ensino agrícola.

Adequação da escola na realidade local e regional, possibilitando a garantia de horas para práticas docentes, visando relacionar a teoria com a prática, viabilizando assim a melhoria do ensino agrícola e do curso Técnico em Agricultura.

A proposta de desenvolvimento da agricultura regional e a necessidade da oferta de uma educação de boa qualidade pela instituição que prepare o jovem para fazer parte do processo produtivo, numa perspectiva de criar ou implementar empreendimentos, promovendo o desenvolvimento sustentável, através de um processo educativo permanente, faz com que a escola, através da vivencia pratica e profissional,  continue a propor à comunidade local e regional um curso técnico nesta área visto que a procura de vagas para o Curso Técnico em Agricultura ainda é muito grande.

Com o Curso, a Escola pretende contribuir para a diminuição da taxa de desemprego a nível estadual, através da viabilização de profissionalização de jovens filhos de agricultores, impulsionando o desenvolvimento das propriedades familiares, utilizando-se de alternativas viáveis econômica e ambientalmente sustentáveis, através da formação de profissionais qualificados a atender a demanda regional e estadual,  sendo capaz de atuar dentro do ramo do agronegócio, numa perspectiva de criação de alternativas de geração de renda para as propriedades rurais, implementando empreendimentos e melhorando a qualidade de vida de suas famílias, evitando assim o êxodo rural.

Diretor Lázaro Brum

Em forma de poema, o Diretor da Escola de Ensino Médio Getúlio Vargas deixa sua homenagem a Terra do Pinhão.

Fontoura Xavier

Ah! Nossa querida cidade ,
Como és bela ,com és Divina , Abençoada…
Como és acolhedora , és símbolo de prosperidade,
És um encanto , com suas belezas naturais ,

Com seus habitantes ,que fazem dessa cidade
Alegre, feliz ,hospitaleira…
És privilegiada ,pois estás a margem da 386
És símbolo de progresso e desenvolvimento…

Temos famílias , de diversas etnias ,
Escolas ,estaduais e municipais que levam
O aprendizado a cada família …
Diversas culturas, crenças…
Políticos , partidos ,
Clubes , comunidades em fim uma sociedade,
Organizada , ou nem tanto?

Ah! Querida cidade , guardo-te no coração na alma …
Como toda cidade tem dificuldades , problemas…
Mas és forte , és guerreira …
E não deixa se abater ,
Quando te maltratam .

Quando , passam por ti…
Sem contempla-la , sem olhar-te com amor e zelo …
Mas não se intimidada , pois és querida
Por todos, mesmo aqueles , que não aprenderam ,
A te amar…

Nessa semana especial onde completa mais uma dádiva …

Nós fontourenses …
Precisamos , mais do que nunca ,
Olhar-te com a ALMA…

Alma pura radiante …

Deixamos de lado o orgulho , egoísmo
Preconceito de toda ordem…

Temos que nos engajar ….

Em prol de nosso
Querido guamirim …
(Do livro poemas do amanhecer de Lazaro Brum / inspirado)

 

 Escrito por: ClicNews

Andressa de Oliveira

SERAFINA CORRÊA | Semana da Pizza foi comemorada nas escolas

Artigo anterior

Trabalhadores nascidos em agosto podem sacar o auxílio emergencial

Próximo artigo

Você também pode gostar

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.