Notícias

Governador flexibiliza horários de atividades econômicas no Rio Grande do Sul

0
Tempo de leitura: 1 minuto

Com a constatação na redução dos índices de contaminação da Covid-19, o Governo do Estado apresentou novas regras para funcionamento das atividades econômicas. Em live na tarde desta sexta-feira, 9/4, o governador Eduardo Leite informou a flexibilização no horário de funcionamento de estabelecimentos em solo gaúcho.

Conforme alerta de Eduardo Leite, ainda será mantida a bandeira preta, em razão de que o nível de ocupação de leitos de UTI e clínicos ainda são altos, na casa de 95%. Em contrapartida, para proporcionar fôlego ao empresário, ampliou as possibilidades de funcionamento, porém ressalta que não é uma liberação, pois ainda a situação é delicada e requer cuidados.

De segunda a sexta-feira

– Supermercados — não tem mais limitação de horário

– Bares e restaurantes — das 5h às 22h, com saída dos clientes até 23h

– Comércio não essencial — das 5h às 20h (depois somente delivery)

– Academias e serviços religiosos — das 5h às 22h

– Demais serviços — das 5h às 20h

Finais de semana

– Bares e restaurantes — das 5h às 15h, com saída dos clientes até 16h; das 15h às 20h delivery e pegue e leve; após às 20h somente delivery

– Comércio não essencial — das 5h às 20h (depois somente delivery)

– Academias e serviços religiosos — das 5h às 22h

– Demais serviços — das 5h às 20h

Cuidados para funcionamento

Toda as atividades devem manter os protocolos gerais, que são uso obrigatório e correto da máscara, distanciamento, manutenção de janelas e portas abertas e/ou sistema de renovação do ar, e manter os hábitos de higienização, disponibilizando álcool em gel.

Restaurantes devem funcionar com capacidade máxima de 25% da lotação, exclusivamente para refeição (vedado happy hour), somente clientes sentados, distanciamento mínimo de 2m entre as mesas, com no máximo 5 pessoas na mesa, não permitido música.

Serviços de educação física, como academias, deve ser exclusivo para atividade individual, com no máximo 1 pessoa para 16m² de área, cartaz informando o número máximo de pessoas, podendo grupo de no máximo 2 alunos para cada profissional habilitado. É permitido esportes individuais ou em dupla, com no máximo 4 pessoas, sem contato físico.

Por fim, Eduardo Leite ressalta que o Rio Grande do Sul segue em bandeira preta, e as regiões poderão adotar medidas mais flexiveis, mas não menos que a prevista na bandeira vermelha. Os protocolos devem ser analisados para cada atividade, conforme o risco da região e município. Fica permitido aos prefeitos adotar medidas mais restritivas que as acordadas na cogestão.

fonte: Portal Clic Soledade

Andressa de Oliveira

MONTAURI | Foi iniciado a pavimentação asfáltica na estrada que liga Montauri a Vila Maria

Artigo anterior

SERAFINA CORRÊA | Dolores Boff Massolini é eleita Presidente da ACISCO

Próximo artigo

Você também pode gostar

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.