Portal de Notícias Correio do Mate
GeralNotícias

Guaporé: Quatro secretários se afastam do Governo Fabris e Bastian visando as eleições 2020

Faltando pouco menos de seis meses para que milhares de eleitores dos 5.570 municípios brasileiros escolham os futuros governantes

111Visualizações
Portal de Notícias Correio do Mate

Faltando pouco menos de seis meses para que milhares de eleitores dos 5.570 municípios brasileiros escolham os futuros governantes (Poderes Executivo e Legislativo) para a gestão 2021/2024, as movimentações nos bastidores dos partidos políticos estão sendo marcadas por novas filiações e mudanças de ares. Isso porque o prazo para novas filiações e desincompatibilização dos secretários municipais e diretores encerrou no sábado, dia 4 de abril.
Conforme o Diário oficial do Município de Guaporé, quatro secretários, sendo três filiados ao Movimento Democrático Trabalhista (MDB) e um do Partido Trabalhista Brasileiro (PTB), se afastaram do cargo de olho nas eleições de outubro. Solicitam exoneração: Cristiane Viel (Secretaria de Turismo, Cultura e Esporte), Hélio Bresolin (Agricultura), Vanderlei Scalco (Saúde) e Alessandro Eduardo de Almeida (Assistência Social e Habitação). Além deles, outros servidores pediram afastamento de suas funções e colocaram-se à disposição dos partidos.
Por enquanto, o secretário de Obras, Fabiano Farina, assume interinamente a pasta da Agricultura. Na saúde, Juliana Fossá Maschio, um dos braços direitos do ex-secretário desde janeiro de 2017 – agente administrativa/coordenadora das Unidades de Saúde, assume a secretaria. As novidades devem ficar nas pastas de Turismo, Cultura e Esporte com o cantor/compositor Tiago Reder e da Assistência Social e Habitação com o advogado, Dr. Hamilton Polita.
As eleições 2020 estão programadas para o dia 4 de outubro (1º Turno) e 25 de outubro para os municípios onde há necessidade da disputa no segundo turno.

Fonte: Rádio Aurora 107.1 FM

Portal de Notícias Correio do Mate
Sandra Meotti

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.