GeralNotícias

GUAPORÉ | Vereadores encaminham “Moção de Apoio” solicitando ampliação do Programa Nota Fiscal Gaúcha

0
Tempo de leitura: 1 minuto
Com aval de todos os parlamentares da Câmara Municipal de Vereadores, de Guaporé, a Mesa Diretora, presidida por Valcir Fanton (PP), encaminhou para o Governo Estadual uma “Moção de Apoio” solicitando a ampliação do programa Nota Fiscal Gaúcha (NFG) com a inclusão das entidades das áreas do Esporte e da Cultura para o recebimento de recursos públicos. O documento, aprovado na 17ª sessão ordinária realizada na segunda-feira, dia 10 de maio, é de autoria do petebista Alessandro Eduardo De Almeida.
A proposta, apresentada na Casa Legislativa pelo tradicionalista Ricardo Pan Bordignon, tem como principal objetivo oportunizar que entidades esportivas e culturais, como por exemplo Centros de Tradições Gaúchas (CTGs) e clubes de futebol/futsal e outras modalidades, possam fazer parte do programa. Atualmente, entidades das áreas da Saúde, Educação, Assistência Social e de Defesa e Proteção dos Animais, como escolas, hospitais, Apaes, unidades de saúde, ONGs, entre outras, recebem repasses do Governo Gaúcho.
“…visamos obter apoio para garantir recursos públicos para a manutenção e o desenvolvimento de entidades esportivas e culturais em nosso município, que promovem saúde, bem-estar e lazer para a população, visto que, o programa Nota Fiscal Gaúcha visa fomentar a cidadania fiscal, a concorrência leal e o aumento de arrecadação por meio de estímulo à emissão de documentos fiscais pelas empresas e sua exigência por parte dos consumidores…”, destaca trecho da “Moção de Apoio”.
Ao efetuar o cadastro no NFG, o contribuinte guaporense tem a opção de indicar o Hospital Manoel Francisco Guerreiro (Saúde), Escola Estadual Dr. Félix Engel Filho e Escola Municipal Maria Rosa Ferreira (Educação), Associação Beneficente São Carlos, APAE, Lar da Criança Primo e Palmira Pandolfo e Liga Feminina de Combate ao Câncer (Assistência Social), e PAC-Protegendo Animais Ponto.Com (Defesa e Proteção dos Animais).
“A ampliação do programa estadual para as áreas do Esporte e da Cultura visa promover mais saúde, bem-estar, lazer e cultura para nossa população, contribuindo para o desenvolvimento das atividades desses setores que foram impactados severamente pela pandemia de Covid-19. Agradeço a todos vereadores pelo carinho com este projeto, em especial ao amigo e vereador Alessandro Tigrinho por estar representando estas classes tão importantes de nossa sociedade”, destacou o tradicionalista Bordignon durante pronunciamento na Tribuna do Povo.
O vereador Tigrinho, na apresentação da “Moção de Apoio”, afirmou que a proposta é sensibilizar o governador Eduardo Leite para que, junto à sua equipe de Governo, possa incluir as entidades culturais e esportivas no programa Nota Fiscal Gaúcha.
“Não só no período de pandemia, mas sabemos a dificuldade que é manter uma entidade. Não é diferente com quem lida com o tradicionalismo e o esporte. Por isso, com apoio dos colegas da Casa Legislativa, propusemos encaminhar esse documento para que o Governo Estadual possa, quem sabe num futuro próximo, fazer a inclusão das entidades destas áreas que também promovem o bem-estar social”, disse o petebista.
Guaporé possui cerca de 4,1 mil pessoas cadastradas e há espaço para muitas aderirem ao programa Nota Fiscal Gaúcha.
Central de Conteúdo/Rádio Aurora 107.1 FM
Andressa de Oliveira

SOLEDADE | Cadeirante vai receber R$ 100 mil por não ter acessibilidade garantida

Artigo anterior

ARVOREZINHA | Milton Ribeiro Ministro da Educação recebe medalha

Próximo artigo

Você também pode gostar

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.

Mais Geral