Portal de Notícias Correio do Mate
Polícia

Homens roubam lancheria e são presos pela Brigada Militar de Guaporé

O proprietário da lancheria registrou o prejuízo de R$ 100,00 em moeda corrente levada do caixa

318Visualizações
Portal de Notícias Correio do Mate

A falta de respeito com as pessoas de bem que estão lutando por um futuro melhor passou dos limites na noite do domingo, dia 12 de janeiro, por volta das 10h, em Guaporé. Na área central, a cerca de 200 metros da praça Vespasiano Corrêa, dois homens realizaram um roubo a um estabelecimento comercial. Eles, conforme os policiais do 4º Pelotão da Brigada Militar (BM), comandado pelo tenente Júlio César de Oliveira Greff, invadiram a lancheria e, sem armas, somente com ameaças, lograram êxito na atividade criminosa.
Conforme informações, um dos criminosos entrou no local com uma camiseta azul amarrada na cabeça. O comparsa aguardou na entrada, do lado de fora. O proprietário da lancheria registrou o prejuízo de R$ 100,00 em moeda corrente levada do caixa, dois lanches (Xis) e quatro cervejas da marca Budweiser. Após saíram em fuga em direção à região Sul, praça Getúlio Vargas.
Através da Central de Operações (Telefone 190), policiais militares foram informados da ocorrência e, de posse das características e vestimentas da dupla, passaram a realizar buscas. Em outro estabelecimento comercial na rua Benjamin Constant, a cerca de 200 metros do ponto onde haviam praticado o roubo, os dois criminosos foram presos.
Eles foram encaminhados para a Delegacia de Polícia Civil (DP), de Guaporé, para o registro da ocorrência. Um deles foi conduzido para o Presídio Estadual onde fica à disposição da Justiça. O outro, menor de idade, deve ser levado para o Centro de Atendimento Socioeducativo (Case), de Passo Fundo.

Central de Conteúdo/Rádio Aurora 107.1 FM
Rede Scalabriniana de Comunicação
Texto: Eduardo Cover Godinho
Foto: Ilustração

Portal de Notícias Correio do Mate
Gemerson Rogerio Santos

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.