Portal de Notícias Correio do Mate
Notícias

JCI de Arvorezinha empossou nova diretoria

Josiane Machado é a presidente em 2020

199Visualizações
Portal de Notícias Correio do Mate

A noite de 31 de janeiro de 2020 foi marcado por mais um momento importante na história da JCI Arvorezinha. Conhecida na comunidade como Câmara Júnior, a entidade foi fundada no município em 1975. Existente em vários países no mundo, a entidade tem como principal função da formação de lideranças, fazer com que jovens tenham a oportunidade de aprender sobre o contexto e se tornarem pessoas diferenciadas nas comunidades onde vivem.

O evento de sexta-feira, teve vários momentos entre eles a entrega do troféu Empresa Amiga, para a Eletro Móveis Basso, considerada pela entidade importante no decorrer do ano em parcerias nos eventos da entidade. A Comenda da Figueira, foi para a professora e hoje empresária Carmen Gehlen Pompermayer, educardora com importantes feitos na comunidade como secretária de educação e cultura inclusive e mentora no Natal que conhecemos hoje e que virou símbolo de Arvorezinha, o Natal no Morro.

A então presidente da JCI, Emília De Paris passou o colar de presidente para a nova presidente Josiane Pereira Machado. O colar passou a ser instituído nos capítulos locais e foi a primeira vez na história que ele foi utilizado numa posse de presidente da entidade. No colar estão gravados os nomes de todos os presidentes da JCI Arvorezinha e será repassado a cada ano ao novo presidente.

Entre as autoridades presentes, o Vice-presidente Nacional da JCI, Rafael Bilibio que em nome da JCI Brasil, desejou sucesso à nova presidente e ao grupo de companheiros que hoje, representam a JCI em Arvorezinha.

Fotos: Daniel Santos \ Correio do Mate

Portal de Notícias Correio do Mate
Gemerson Rogerio Santos

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.