NotíciasPolícia

Polícia Civil deflagra operação “Falso Seguro” na região

0
Tempo de leitura: 1 minuto

Na manhã desta terça-feira (13), a Polícia Civil, através da Delegacia de Polícia de Ciríaco, deflagrou a OPERAÇÃO FALSO SEGURO, nas cidades de Ciríaco, Capão da Canoa e Soledade. A operação visa cumprir 5 mandados de busca e apreensão decorrentes de investigação onde uma associação criminosas dedicada a estelionato visando fraudar companhias de seguros com falsas solicitações de resgates. A operação teve apoio da DRACO Passo Fundo, DP David Canabarro e Brigada Militar.

Em 2016, a Polícia Civil de Ciríaco recebeu informações de um prestador de serviço de guincho narrando que estava recebendo acionamentos para efetuar remoções de veículos, contudo ao chegar aos locais indicados nas remoções nenhum veículo era localizado.

Assim, depois de receber alguns destes acionamentos, através da placa de um destes veículos, a parte efetuou contato com o proprietário do mesmo, residente em Soledade, que relatou nunca ter ido até Ciríaco, quanto mais ter efetuado acionamento da sua seguradora para remoção do veículo nesta cidade. Diante disso, oficiadas duas seguradoras, a DP obtivemos uma lista com os acionamentos realizados no município de Ciríaco e o nome dos respectivos segurados, procedendo-se as oitivas destes, foi constata a fraude, identificando-se pelo menos 10 falsos acionamentos tendo como local do fato a cidade de Ciríaco.

Além das oitivas dos segurados, requisitaram-se as gravações dos acionamentos realizados as empresas seguradoras, onde foi identificado a interlocutora que efetuava as ligações solicitando as remoções, passando-se por familiar dos segurados, e em todas elas indicava a base da empresa de guincho investigada como local próximo e de sua escolha para prestação do serviço, que nunca iria ocorrer.

Além da primeira empresa investigada, identificaram-se falsos acionamentos cuja descoberta outra empresa beneficiária, que é credenciada ao DETRAN na cidade.

Verificou-se, também, que boa parte das apólices de seguro que foram utilizadas para realizar os falsos acionamentos eram de clientes de uma empresa de seguros sediada na cidade de Soledade.

Os valores repassados pelas duas empresas de seguro a empresa investigada, no período de 7 meses, ultrapassa R$ 20.000,00.

*Rádio Uirapuru

Andressa de Oliveira

Associados da Cotriel receberão mais de R$ 700 mil em bônus do leite via CCGL

Artigo anterior

SOLEDADE | Resumo sessão ordinária Câmara de Vereadores dia 12/4

Próximo artigo

Você também pode gostar

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.