NotíciasPolítica

PUTINGA | Eleição ocorrerá em 04 de julho 2021

0
Tempo de leitura: 1 minuto

Na sessão de julgamentos do dia 24 de março, o Pleno do TRE-RS decidiu, de forma unânime, suspender por prazo indeterminado as eleições suplementares para os cargos de prefeito e vice-prefeito do município de Putinga, previstas para ocorrerem no dia 02 de maio.
A suspensão ocorreu por conta da situação pandêmica que colocava o município, em dados proporcionais, como o segundo colocado em vítimas fatais do Covid-19 no Estado.
A decisão foi publicada no DJE (Diário da Justiça Eleitoral do RS) do dia 25 de março e revoga a Resolução n° 353, de 11/3/2021.

Conforme explicou o Presidente do TRE, Desembargador André Villarinho aos demais desembargadores, o próprio prefeito interino de Putinga, o vereador Fernando Gonçalves dos Santos foi quem procurou o Ministério Público e a Juíza Eleitoral da 145ª Zona Eleitoral, apresentando alegações pedindo a suspensão das eleições suplementares para o dia 02 de maio. As alegações ficaram em torno da pandemia, e o número de mortes que vinham ocorrendo por conta da doença no município. O pedido do prefeito interino acabou sendo acatado pelo TRE/RS.

Em reunião coordenada pelo Desembargador André Villarinho, Presidente do TRE/RS, na manhã desta quarta-feira, 12 de maio, ficou estabelecido que as eleições suplementares em Putinga ocorrerão no dia 04 de julho 2021, para eleição de prefeito e vice-prefeito do município.

Quem quiser assistir a votação do TRE/RS aprovando as eleições para 04 de julho 2021, a mesma foi feita na 1h44min desta audiência, basta acessar o vídeo da sessão abaixo e levar o cursor para o tempo acima.

 

Gemerson Rogerio Santos

Secretaria da Saúde recomenda suspensão de vacinação com Oxford/AstraZeneca em grávidas no RS

Artigo anterior

GUAPORÉ | Meia Boca Futsal entrega recursos arrecadados no “Pedágio Solidário” ao Hospital Manoel Francisco Guerreiro

Próximo artigo

Você também pode gostar

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.