Portal de Notícias Correio do Mate
GeralNotícias

Secretário de Vigilância em Saúde do Ministério da Saúde, Wanderson de Oliveira, pede demissão

Informação foi confirmada pelo Ministério através de nota oficial

228Visualizações
Portal de Notícias Correio do Mate

O secretário de Vigilância em Saúde do Ministério da Saúde, Wanderson de Oliveira, pediu demissão na manhã desta quarta-feira (15). A informação foi divulgada pelo Ministério, através de nota oficial.

Assim como o Ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, Wanderson de Oliveira participava ativamente das coletivas e reuniões a respeito do novo coronavírus (Covid-19). Doutor em epidemiologia pela faculdade de medicina da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (Ufrgs), ele estava no Ministério há 15 anos e coordenou a campanha nacional contra a pandemia de influenza e síndrome da zika congênita.

Na secretaria, Wanderson é responsável por ações de vigilância, prevenção e controle de doenças transmissíveis no Brasil, pela vigilância de fatores de risco para o desenvolvimento de doenças crônicas não transmissíveis, saúde ambiental e do trabalhador e também pela análise de situação de saúde da população brasileira.
Fonte: Informativo do Vale
Portal de Notícias Correio do Mate
Sandra Meotti

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.